Setembro - 2017
STQQSSD
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 

Email Newsletter icon, E-mail Newsletter icon, Email List icon, E-mail List icon Sign up for WTF Email Newsletter


» Matérias «


Eleições CBTKD 2017: Eleição pode ser anulada?

A CBTKD divulgou no dia 20 de abril de 2017 a nomeação do representante dos atletas sob justificativa de cumprimento do artigo 17, parágrafo 3º, do estatuto da CBTKD.

Desde 2014 a obrigatoriedade da representação dos atletas é prevista, inclusive com direito a voto nas Assembléias, “participação de atletas nos colegiados de direção e na eleição para os cargos da entidade”, na Lei 9.615/88, a Lei Pelé. Em 2015 a Lei 13.155 também determina "a garantia de representação, com direito a voto, da categoria de atletas e entidades de prática esportiva das respectivas modalidades, no âmbito dos órgãos e conselhos técnicos incumbidos da aprovação de regulamentos das competições." (grifo nosso)

Como se elege o representante dos atletas?

A Lei 13.155 é clara! A eleição do representante dos atletas não se dá por indicação, nomeação ou abaixo assinado.

"Os representantes dos atletas de que trata o inciso III do caput deste artigo deverão ser escolhidos pelo voto destes, em eleição direta, organizada pela entidade de administração do desporto, em conjunto com as entidades que os representem, observando-se, quanto ao processo eleitoral, o disposto no art. 22 desta Lei.” (grifo nosso)

O que significa que a eleição do representante dos atletas deve seguir o rito padrão:
1. Publicação de um edital de convocação
2. Eleição
3. Lavrar ata e registrar no cartório

Se não há então um representante dos atletas eleito conforme determina a Lei estaria a CBTKD,  na primeira ação baseada no recente estatuto aprovado, cometendo irregularidades? Será que outros atletas não desejariam concorrer ao pleito e representar os atletas na CBTKD? Será que dentre milhares de atletas em todo o país apenas alguns se interessariam em votar para escolher o seu representante? No Brasil temos dezenas de atletas que podem assumir e representar bem a classe, por exemplo, atletas em atividade como Maicon Andrade (medalhista nos Jogos Rio 2016), Edival Marques "Netinho" (Campeão Olímpico da Juventude e considerado a maior esperança de medalha para o Taekwondo do Brasil nos Jogos Tokyo 2020), Iris Tang Sin (Atleta Olímpica), a ex-atleta Natália Falavigna (medalhista olímpica). Com esta ação de nomear um representante dos atletas a CBTKD acaba de criar um novo imbróglio que com certeza dentro de alguns dias estará nos tribunais.

Qual será o futuro da CBTKD? Eleição poderá ser anulada como foi em 2015? Vamos acompanhar os próximos acontecimentos, eleição e ações pós-eleição, com certeza este imbróglio não será resolvido com a realização da eleição no próximo dia 24, tampouco os problemas e a crise terminarão

COPIE E DIVULGUE, PORÉM SEJA LEGAL e ORIGINAL! 
RESPEITE O TRABALHO ALHEIO, PEÇA AUTORIZAÇÃO E/OU CITE A FONTE!



 
BANG .:. Desde 1971 no Brasil .:. Tradição & Qualidade